Os Frutos da Justificação Pela Fé, de Morris Venden (João 15) – Introdução e Índice Geral

Os Frutos da Justificação Pela Fé, de Morris Venden.

Título do Original em Inglês: GRAPES

INTRODUÇÃO
Uma videira produz uvas porque é videira, e não para tornar-se videira. Os ramos da videira produzem uvas porque estão ligados ao tronco, jamais para que venham a ligar-se.

Jesus utilizou a analogia a videira tendo em vista ensinar algumas lições espirituais de vital importância. Jesus foi o maior Mestre jamais conhecido pelo mundo. A simplicidade de Seus ensinos e de Seus métodos necessita ser imitada nos dias atuais. Cristo pregou às pessoas comuns. Veio a fim de pregar o evangelho aos pobres. Alcançava as pessoas onde estas se encontravam, colocando ao alcance das mesmas as verdades claras e simples. Ninguém precisa recorrer a um dicionário a fim de compreender o significado de Suas palavras. Apresentava Ele as verdades à mente do povo em linguagem poderosa, ainda que simples. Ninguém precisa consultar os eruditos no que tange ao significado das mesmas. Quando nos dedicamos ao estudo dos ensinamentos de Jesus no tocante à videira, encontrados em João 15, sentimos de modo prático a simplicidade do maior de todos os ensinadores.

Nos dias de hoje há muito diálogo e debate concernente a questões teológicas. Muitas pessoas sentem-se desconfortáveis, desassossegadas e confusas. Carecemos, pois, de passear pela videira ao lado de Jesus, ouvindo Seus ensinos simples, recebendo dEle o refrigério espiritual.

ÍNDICEclique no capítulo desejado:
1. A Videira Verdadeira (9-11)
2. O Agricultor (12-13)
3. Os ramos (14-15)
4. Duas espécies de ramos (16-17)
5. Vós já estais limpos (18-21)
6. Permanecendo (22-29)
7. Permanecei na Videira (30-35)
8. Muito fruto (36-38)
9. Nada podeis fazer (39-50)
10. A tesoura podadeira (51-64)
11. Fruto genuíno (65-71)
12. O fruto é um dom (72-76)
13. Pedireis o que quiserdes (77-90)
14. Dois tipos de permanência (91-96)
15. Requer-se tempo (97-100)
16. O texto que não está presente! (101-102)
17. Amigos de Deus (103-104)

Contracapa
Um grande número de cristãos jamais vivencia o verdadeiro gozo de um relacionamento produtivo com o Senhor. Muitos vivem a nível apenas de sobrevivência, não compreendendo que lhes pertence a promessa de Cristo, de vida mais abundante. Utilizando a figura da vinha, Jesus deixou aos Seus seguidores uma preciosa parábola quanto ao relacionamento, o processo, pelo qual se produz paz, alegria e “frutos”. O autor aplicou seu estilo claro e de fácil leitura à explanação dos versos de João 15.

E o resultado é mais um livro que não deveria faltar na biblioteca do cristão.

O Autor
Morris L. Venden é autor de um crescente número de clássicos da literatura adventista. Filho de evangelista e representando a terceira geração de adventistas em sua família, o irmão Venden combinou alegremente sua atividade pastoral – na direção de grandes igrejas, em diversos Estados norte-americanos – com o púlpito que desenvolve através da pena, e que se acha em constante expansão. Fitas de sermões amplamente distribuídas têm aumentado o impacto de seu ministério, o qual apela tanto a jovens quanto a idosos.

Os Frutos da Justificação Pela Fé é um livro que há muito tempo Morris desejava escrever. Seus pensamentos em relação ao assunto foram aperfeiçoados e aclarados ao longo de anos de ministério. É um livro valioso, escrito por um autor dedicado.

Anúncios

Sobre Ligado na Videira

Ligado na Videira
Esse post foi publicado em Morris Venden, Os Frutos da Justificação Pela Fé e marcado , , , . Guardar link permanente.

Escreva um comentário. Compartilhe sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s