Cercados Pela Misericórdia

Meditação Matinal de Ellen White – O Cuidado de Deus, 1995.

1º de abril – Pág. 87 – Cercados Pela Misericórdia

O ímpio tem muitas dores, mas aquele que confia no Senhor, a misericórdia o cercará. Salmos 32:10.

Pensamos muitas vezes que aqueles que servem a Deus têm muito mais provas do que os incrédulos, e o caminho que lhes é indicado é rude. … Frui, porém, o ímpio sem perturbações o seu prazer e alegria? Oh, não! Ocasiões há em que o pecador é terrivelmente afligido. Ele teme a Deus, mas não O ama.

Acham-se os ímpios livres de decepções, perplexidades, perdas terrestres, pobreza e aflição? Muitos deles sofrem longas doenças, e todavia não têm Alguém poderoso em quem se apoiar, nenhuma graça fortalecedora de um poder mais alto para sustentá-los na debilidade. Arrimam-se às próprias forças. Não obtêm consolo olhando ao futuro, mas temerosa incerteza os atormenta; e assim cerram eles os olhos na morte, não encontrando nenhum prazer em olhar à manhã da ressurreição, pois não possuem animadora esperança de que tenham parte na primeira ressurreição. …

O cristão está sujeito à enfermidade, às decepções, à pobreza, à desonra e à aflição. Todavia em meio de tudo isto ele ama a Deus, prefere fazer-Lhe a vontade, e nada preza mais do que Sua aprovação. No choque das provações e nas mutáveis cenas da vida, sabe que há Alguém que sabe tudo, Alguém que inclinará o ouvido ao grito do sofredor e do aflito, Alguém que pode compadecer-Se de toda dor e suavizar a viva angústia de cada coração. …

Em meio de toda a sua aflição é o cristão grandemente consolado. E se Deus permite que ele sofra uma longa e aflitiva doença antes de cerrar os olhos na morte, pode com bom ânimo suportar tudo isso. … Contempla o futuro com celestial satisfação. Um breve repouso na sepultura, e depois o Doador da vida partirá as cadeias do sepulcro, libertará o cativo e, do poeirento leito, o tirará imortal, para nunca mais conhecer a dor, a aflição ou a morte. Oh, que esperança a do cristão! Que esta esperança seja a minha. Que seja a vossa. Carta 18, 1859.

Anúncios

Sobre Ligado na Videira

Ligado na Videira
Esse post foi publicado em 1995 - O Cuidado de Deus, Ellen White, Meditação Matinal e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Escreva um comentário. Compartilhe sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s