O Templo de Deus

Meditação Matinal de Ellen White – O Cuidado de Deus, 1995.

12 de novembro – Pág. 301 – O Templo de Deus

E Ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si mesmos, mas para Aquele que por eles morreu e ressuscitou. 2Coríntios 5:15.

O homem é a obra-prima de Deus, criado para um propósito elevado e santo; e Deus deseja escrever Sua lei em cada parte do tabernáculo humano. Cada nervo e músculo, cada dom mental e físico deve ser mantido puro.

Deus deseja que o corpo seja um templo para o Seu Espírito. Quão solene é a responsabilidade que repousa sobre cada pessoa. Se profanamos o nosso corpo, causamos dano não apenas a nós próprios, mas a muitos outros. …

Cristo morreu para que a imagem moral de Deus pudesse ser restaurada na humanidade, para que homens e mulheres pudessem se tornar participantes da natureza divina, livrando-se da corrupção das paixões que há no mundo. Nenhuma faculdade de nosso ser deve ser utilizada para a satisfação do egoísmo, pois todas as nossas faculdades pertencem a Ele, e devem ser usadas para a Sua glória. …

A habitação humana, o edifício de Deus, requer vigilante proteção. Podemos exclamar com Davi: “Por modo assombrosamente maravilhoso me formaste” (Salmos 139:14). A obra das mãos de Deus deve ser preservada, para que o universo celestial e a raça apóstata possam ver que os homens e mulheres são templo do Deus vivo.

A perfeição de caráter que Deus requer é a adaptação do ser todo como templo para a habitação do Espírito Santo. O Senhor requer o serviço da pessoa toda. Ele deseja que homens e mulheres se tornem tudo o que Ele lhes tornou possível ser. Não é suficiente que apenas certas partes do organismo humano sejam usadas. Todas as partes devem ser levadas à ação, caso contrário o serviço será deficiente. …

A vida física deve ser cuidadosamente educada, cultivada e desenvolvida, para que por meio de homens e mulheres a natureza divina seja revelada em sua plenitude. Deus espera que os homens utilizem o intelecto que lhes deu. Espera que usem seu poder de raciocínio para Ele. Devem dar à consciência o lugar supremo que lhe foi designado. As faculdades mentais e físicas, bem como as emoções, devem ser cultivadas de modo a atingirem a maior eficácia. Assim Cristo é representado ao mundo. …

Agrada-Se Deus ao ver algum dos órgãos ou faculdades que deu ao homem negligenciados, mal utilizados, ou desprovidos de saúde e de eficácia que lhes é possível ter? Então cultivai o dom da fé. Sede corajosos, e vencei toda e qualquer prática que prejudique o templo da alma. Somos totalmente dependentes de Deus, e nossa fé se fortalece ao crermos, embora não possamos entender o propósito de Deus em Seu trato conosco, ou as conseqüências de tal trato. A fé aponta para frente e para o alto, para as coisas vindouras, apegando-se ao único poder que nos pode tornar completos nEle. Review and Herald, 6 de novembro de 1900.

Anúncios

Sobre Ligado na Videira

Ligado na Videira
Esse post foi publicado em 1995 - O Cuidado de Deus, Ellen White, Meditação Matinal e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Escreva um comentário. Compartilhe sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s