Nosso Misericordioso e Fiel Sumo Sacerdote

Meditação Matinal de Ellen White – Exaltai-O, 1992.

27 de novembro – Pág. 346 – Nosso Misericordioso e Fiel Sumo Sacerdote

Não por meio de sangue de bodes e de bezerros, mas pelo Seu próprio sangue, entrou no Santo dos Santos, uma vez por todas, tendo obtido eterna redenção. Hebreus 9:12.

Como portador do pecado, sacerdote e representante do homem perante Deus, Ele penetrou na vida da humanidade, assumindo nossa carne e sangue. A vida está na viva e vital corrente de sangue, o qual foi dado pela vida do mundo. Cristo efetuou uma expiação completa, dando Sua vida como resgate por nós. Ele nasceu sem qualquer mancha de pecado, mas veio ao mundo do mesmo modo que a família humana. Não tinha mera semelhança de um corpo, mas tomou a natureza humana, participando da vida da humanidade. …

Jesus Cristo depôs o manto real, Sua régia coroa e revestiu Sua divindade com a humanidade, a fim de tornar-Se um substituto e penhor pelo gênero humano, para que, morrendo em forma humana, por Sua morte pudesse destruir aquele que tinha o poder da morte. Ele não poderia ter feito isso como Deus; mas, tornando-Se como o homem, Cristo podia morrer. Pela morte venceu a morte. A morte de Cristo levou à morte aquele que tinha o poder da morte, e abriu as portas da sepultura para todos os que O recebem como seu Salvador pessoal.

Cristo proclamou sobre o sepulcro aberto, de José: “Eu sou a ressurreição e a vida.” João 11:25. Ele, o Redentor do mundo, esmagou a cabeça da serpente, privando-a de todo o poder para fazer os homens sentirem sua ferroada de escorpião; pois Ele trouxe à luz a vida e a imortalidade. As portas da vida eterna estão abertas completamente para todos os que creem em Jesus Cristo. … Ao morrer, Jesus tornou impossível que os que creem nEle morram eternamente. …

Cristo viveu e morreu como homem, para que pudesse ser Deus tanto dos vivos como dos mortos. Foi para tornar impossível que os homens percam a vida eterna se crerem nEle. A vida dos homens e das mulheres é preciosa à vista de Deus; pois Cristo adquiriu essa vida ao ser executado em lugar deles. Assim Ele possibilitou que alcancemos a imortalidade.

Em Cristo uniram-se o divino e o humano – o Criador e a criatura. A natureza de Deus, cuja lei tinha sido transgredida, e a natureza de Adão, o transgressor, encontraram-se em Jesus – o Filho de Deus e o Filho do homem. E, tendo pago o preço da redenção com o Seu sangue, tendo passado pela experiência do homem, tendo enfrentado e vencido a tentação em benefício do homem, tendo, embora Ele mesmo fosse sem pecado, suportado a ignomínia, a culpa e o fardo do pecado, tornou-Se o Advogado e Intercessor do homem. Que certeza é isso para a pessoa tentada e que luta, que certeza para o Universo espectador, de que Cristo será “misericordioso e fiel sumo sacerdote”! (Hebreus 2:17). Comentário Bíblico Adventista, vol. 7, pág. 1030.

Anúncios

Sobre Ligado na Videira

Ligado na Videira
Esse post foi publicado em 1992 - Exaltai-O, Ellen White, Meditação Matinal e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Escreva um comentário. Compartilhe sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s